Teses e dissertações online

Há atualmente 499 trabalhos no nosso banco de teses e dissertações. Para acrescentar o seu, envie-o por email!

Últimos acréscimos

Todos os trabalhos listados aqui estão gratuitamente disponíveis para download. Alguns links apontam diretamente para um arquivo PDF, enquanto outros levam a uma página contendo informações bibliográficas e o link para download.

Baixe o Acrobat Reader gratuitamente

Camargos, Lidiane Szerwinsk. 2013. Consolidando uma proposta de Família Linguística Boróro. Contribuição aos estudos histórico-comparativos do Tronco Macro-Jê. Orientação: Rodrigues, Aryon, Ana Suelly Arruda Câmara Cabral. Doutorado, UnB. [acesso]

Campetela, Cilene. 1997. Análise do sistema de marcação de caso nas orações independentes da língua Ikpeng. Orientação: Lucy Seki. Mestrado, Unicamp. [acesso]

Campetela, Cilene. 2002. Aspectos prosódicos da língua Ikpeng. Orientação: Lucy Seki, Luiz Carlos Cagliari. Doutorado, Unicamp. [acesso]

Campos, Carlo Sandro de Oliveira. 2009. Morfofonêmica e morfossintaxe da Língua Maxakalí. Orientação: Thaïs Cristófaro Silva, Fábio Bonfim Duarte (co-orientador). Tese de doutorado, UFMG. [acesso]

Câncio, Raimundo Nonato de Pádua. 2017. Para além da aldeia e da escola: um estudo decolonial de aquisição da Língua Portuguesa pelos indígenas Wai wai da Aldeia Mapuera, Amazônia brasileira. Orientação: Sônia Maria da Silva Araújo. Doutorado (Educação), Universidade Federal do Pará. [acesso]

Cândido, Gláucia Vieira. 1998. Aspectos fonológicos da língua Shanenawá (Pano). Orientação: Angel H. Corbera Mori. Mestrado, Unicamp. [acesso]

Candido, Gláucia Vieira. 2004. Descrição morfossintática da lingua Shanenawa (Pano). Orientação: Angel Humberto Corbera Mori. Doutorado, Unicamp. [acesso]

Cândido, Gláucia Vieira. 2005. Descrição Morfossintática da Língua Shanenawa (Pano). Orientação: Angel Corbera Mori. Doutorado, Unicamp. [acesso]

Cardoso, Valéria Faria. 2008. Aspectos morfossintáticos da língua Kaiowá (Guaraní). Orientação: Lucy Seki. Doutorado, Unicamp. [acesso]

Cardoso, Alanna Souto. 2018. Descolonizando a cartografia histórica amazônica: representações, fronteiras étnicas e processos de territorialização na Capitania do Pará, século XVIII. Orientação: Rosa Elizabeth Acevedo Marin, Renata Malcher de Araújo (co-orientação). Doutorado (Desenvolvimento Sustentável do Trópico Úmido), Universidade Federal do Pará. [acesso]

Carneiro, João Paulo Jeannine Andrade. 2008. A morada dos Wapixana: Atlas toponímico da região indígena da Serra da Lua (RR). Orientação: Maria Vicentina de Paula do Amaral Dick. Mestrado, USP. [acesso]

Carneiro, Denize de Souza. 2012. Construções negativas em Sateré-Mawé. Orientação: Franceschini, Dulce do Carmo. Mestrado, Universidade Federal de Uberlândia. [acesso]

Carreira, Genne Eunice da Silva. 2008. Parâmetros e macroparâmetros: um olhar sobre as línguas indígenas Tembé e Guajajára (Tupi). Orientação: Marília Lopes da Costa Facó Soares. Mestrado, UFRJ. [acesso]

Carvalho, Márcia Goretti Pereira de. 2001. Sinais de Morte ou de Vitalidade? Mudanças estruturais na língua Tembé (Contribuição ao estudo dos efeitos de contato lingüístico na Amazônia Oriental). Orientação: Ana Suelly Arruda Câmara Cabral. Mestrado, UFPA. [acesso]

Carvalho, Fernando Orphão de. 2010. Estruturas fonéticas da língua tikúna: um estudo acústico preliminar. Orientação: Aryon Dall'Igna Rodrigues. Mestrado, UnB. [acesso]

Carvalho, Andrea Marques de. 2010. O auxiliar aspectual tyka do Karitiana. Orientação: Ana Müller. Mestrado, USP. [acesso]

Carvalho, Mateus Cruz Maciel de. 2013. Análise fonológica da língua Deni (Arawá). Orientação: Cristina Martins Fargetti. Mestrado, Unesp (Araraquara). [acesso]

Carvalho, Mateus Cruz Maciel de. 2017. Estudo morfossintático da língua Deni (Arawá). Orientação: Cristina Martins Fargetti. Doutorado, Universidade Estadual Paulista "Júlio de Mesquita Filho", Faculdade de Ciências e Letras (Campus Araraquara). [acesso]

Castillo Ramirez, Antonio Gregorio. 2020. Irrealis en nomatsigenga (kampa-arawak). Orientação: Albert Álvarez & Françoise Rose (co-orientadora). Mestrado, Universidad de Sonora (México). [acesso]

Castro, Eduardo Batalha Viveiros de. 1977. Indivíduo e sociedade no Alto Xingu: os Yawalapíti. Orientação: Roberto Da Matta. Mestrado, PPGAS/Museu Nacional, UFRJ. [acesso]

Veja também:

[Biblioteca Digital da Unicamp] [Biblioteca Digital da UnB] [Biblioteca de Teses e Dissertações da UFPE] [Biblioteca Digital da USP] [MIT Theses] [Rutgers Optimality Archives] [Biblioteca de Teses e Dissertações da UFAL]

This site is part of the Etnolinguistica.Org network.
Except where otherwise noted, content on this site is licensed under a Creative Commons Attribution 3.0 License.